A Orquestra Filarmônica de Israel – 80 anos do maestro Zubin Mehta

Zubin-Mehta

Aos 18 anos, Zubin Mehta abandonou os estudos de medicina para se dedicar totalmente à sua carreira musical, ingressando na Academia de Música de Viena. Sete anos mais tarde, dirigia as Filarmônicas de Viena e Berlim. Em poucos anos, tornou-se um dos maestros mais requisitados do mundo. Desde então, a sua carreira tem seguido sempre uma trajetória ascendente, tendo dirigido milhares de concertos e óperas.
Em Abril de 2016, e como celebração do 80º aniversário do maestro Mehta, a Orquestra Filarmônica de Israel realiza três concertos no Mann Auditorium de Tel Aviv, com a presença dos melhores amigos de Zubin Mehta, como Daniel Barenboim, Itzhak Perlman e Pinchas Zukerman.

Fonte genesistoursblog.com

Aprenda hebraico sem sair de casa – saiba mais

Jovens em Israel estudam pesquisam e criam

Tecnologia Israel

I)Israel ,literalmente “reinventou a roda”…
Por Shoshana C.

O estudante de engenharia e design da Universidade Shenkar em Ramat Gan,perto de Tel Aviv,Kobi Shinkan,

Tecnologia Israel 2

Tecnologia Israel 2

idealizou um sistema futurista de entrega de mercadoria,usando tecnologia robótica e de reconhecimento facial.

” The Transwheel Delivey Robot” assegura o recebimento de sua mercadoria na porta de sua residência sã e salva,sem poluir a natureza.
Os drones de uma roda operam usando um sistema de equilíbrio similar ao Segway(meio de transporte de duas rodas
lado a lado,principalmente usado por deficientes visuais),empregando GPS para caminhar
O pacote é seguro por dois braços robóticos e chega a seu destino com uma câmera,tendo internet conectada.
Várias câmeras ajudarão para que obstáculos e tráfico não interfiram, prejudicando a entrega.
É um compromisso com a entrega rápida terrestre.
Poderá ser usado em aeroportos ou bases militares,com tecnologia não poluente.
Um dos professores da Universidade Shenkar disse que embora pareça ficção científica ,não o é,sendo
perfeitamente viável,realizável em vida cotidiana,da mesma forma que os drones (aéreos ) já o são.
O estudante está esperando apoio financeiro de indústrias para concretizar sua criação

II) Escola Médica da Galileia

Cerca de 600 estudantes de medicina reassumiram seus estudos semana passada,na Universidade Bar Ilan na Galileia.
Em outubro de 2001, 53 alunos iniciaram a primeira classe e atualmente estão trabalhando como internos em hospitais do país.
Este ano mais de 590 alunos estão matriculados.
Esta faculdade tem 112 “senior faculty members” e 110 instrutores clínicos,sendo de altíssimo padrão científico.
O treinamento clínico é intenso e conduzido em cinco hospitais ,localizados no norte de Israel–Safed
Tiberíades Nahariya e Nazareth e também em clínicas comunitárias situadas no norte e na Galileia.
Há 93 alunos registrados em programas de graduação e doutorado e 10 em pós doutorado.
São alunos de nível excelente encorajados a alcançar o máximo em perfeição para salvar.

Reserva Florestal da Hula na Galiléia

Noticias de Israel - Hula

 

O Parque de Turismo Agamon Hula, está situado no coração do Vale da Hula e é considerado um dos locais de observação de aves mais importantes do mundo. No parque você pode acompanhar e observar a migração, de aves, estimados em 500 milhões de aves a cada ano, o segundo maior do mundo. No meio do parque há um grande lado que nos permite experimentar a natureza sem gaiolas.

A trilha de aproximadamente 9 quilômetros que circunda o Agamon Hula, pode ser explorado a pé, em bicicletas, bicicletas para duas pessoas, carrinhos de golfe e outros carrinhos especiais. Podemos descansar nos bosques ou fazer um piquenique à sombra das árvores.

 

Aprenda Hebraico sem sair de casa

Israel e a Ciência – Notícias de Israel

Noticias de Israel - Instituto Weizmann
  ISRAEL E A CIÊNCIA
Por Shoshana C.                         –
                                 O INSTITUTO  CHAIM WEIZMANN, situado em Rehovot,está em décimo lugar internacionalmente
segundo a Universidade de Leiden na Holanda.
                           São cerca de três mil cientistas,estudantes e técnicos.
                           Matemática,computação,física,química,biologia meio ambiente,pesquisas em doenças,fome,enfim
estudam todos os problemas que tratam  da existência do ser para  viver uma VIDA DIGNA.
                           Dentro do Instituto está o CLORE JARDIM DA CIÊNCIA COM 800 METROS DE GRAMA.
                           Há demonstração de energia solar ,do poder da água e de outros fenômenos naturais.
Elementos naturais tais como luz solar,vento,água têm um papel importante neste jardim.
                           Existe um forno solar que instantaneamente coloca madeira no fogo,há simulação do caminhar
pela lua ,um canal de água que mostra a ação física das ondas,dentre diversas outras situações.
                           É uma única forma educacional que convida o visitante a explorar os fenômenos ambientais e
sua relação com a existência.

                 INVENÇÕES CIENTÍFICAS PARA A SAÚDE

                     VITALGO TOTAL LIFT BED é a mais nova invenção capaz de trazer o paciente de uma posição
supina(deitada) para uma posição totalmente ereta,saindo da cama por si só.
                      Muito importante para pacientes em Unidades de Cuidados Intensivos,para Unidades de Cardiologia
e tem duas importantes características:uma parte móvel para os pés que permite este movimento acima descrito pelo paciente e uma borda na  parte traseira ,com escala integrada que permite  controlar o peso a ser suportado.
                      É um projeto único mundial.
                      UM APARELHO manufaturado e patenteado em Haifa que é colocado em membros superiores e inferiores
com o objetivo de retirar todo o sangue dos pulmões para que a cirurgia ocorra sem sangramento,sendo melhor para o cirurgião
ter a oportunidade de ver o que e como está operando e melhor para o paciente,não havendo perda sanguínea.
                     RIMED  é uma empresa israelense estabelecida em 1982.que desenvolve e manufatura sistemas de monitoração vascular não invasiva e doppler transcraniano,principalmente na área de neurologia.
                     Mede a velocidade da corrente sanguínea nas artérias mais importantes do cérebro  diagnosticando qualquer
redução ou oclusão,detectando embolias que estejam fluindo para o cérebro e que possam causar derrame.
                    Em próximo artigo serão comentadas outras descoberta inovadoras de Israel,para o bem estar da população
local e mundial

DR. Reda Mansur-Embaixador Israelense-Druso do Brasil

Por Shoshana C.

DR. Reda Mansur—Embaixador Israelense Árabe -Druso do Brasil

Nós brasileiros,temos atualmente ,um Embaixador israelense, não judeu,descendente da comunidade
árabe drusa,uma minoria árabe que representa 2% da população de Israel.
O que o Ocidente não sabe é que existem árabes em vários ramos da sociedade israelense.
Foi-lhe perguntado na entrevista prestada ao Diário de Pernambuco na primeira semana de junho de 2015,como é para um não judeu crescer num país como Israel.

Dia da independencia em Israel

Dia da independencia em Israel

Continuou dizendo que apesar do conflito político existente há árabes embaixadores,professores e até generais treinando judeus para se defenderem em caso dos ataques tão frequentes.
Diz que isso só acontece pela democracia que há em Israel,que apesar de ser um país judaico tem uma visão de liberdade e direitos iguais para as minorias.
A população árabe é de 20%. No parlamento dos 120 membros,14 são de origem árabe.
Continuou dizendo que não só pôde viver em Israel mas representar Israel em vários países e que visita
sinagogas pelo mundo mais do que muitos judeus.
Questionado como avaliava a atual situação do conflito ocasionado pela morte dos três adolescentes mortos pelos terroristas árabes ano passado e que iniciou a guerra defensiva contra Gaza ,respondeu que atualmente a situação está sob controle apesar de Israel há poucos dias ter sido atacado por mísseis,dizendo que esses ataque sempre aconteceram e acontecem e que Israel nunca recebeu cobertura internacional,pois a mídia não noticia,prossegue explicando que muitas vezes Israel defende-se dos mísseis lançados que são interceptados por sistemas desenvolvidos,mas que o povo não pode viver em estado contínuo de tensão continuadamente com sirenes acionadas para a população se esconder,traumatizando adultos e crianças.
Só quando Israel se defende contra atacando é que a imprensa mundial divulga e não quando são atacados.
Segundo o embaixador,foi criada “uma imagem muito romântica da causa palestina”,como um povo pobre que precisa ser independente.Continua afirmando que não é verídico,pois seria mais um país árabe sem democracia.
Diz que os palestinos precisam de independência mas que isto só não basta e que precisariam ter série de responsabilidades,serem democráticos sendo que Israel não pode aceitar uma mera declaração formal,para que não acontecer
com a faixa de Gaza ,um segundo Afeganistão,uma completa desorganização.

O Embaixador não entende toda esta propaganda contra,pois se mata mais na guerra civil em uma semana na Síria do que se matou ao longo dos últimos anos em Israel nas guerras defensivas.
Do Iraque ao Iêmen,acontece o mesmo e ninguém fala em boicote a países que defendem esta situação.
Diz:” É cínico.É como se o mundo estivesse mandando sinal de que quando os árabes matam outros árabes,não tem problemas”–só quando morrem por defesa israelense a seu povo.
Acha que existe interesses globais e que sem intervenção de terceiros ,Israel e Palestina poderiam resolver este conflito em uma semana.
Pensa que só há uma solução:a divisão do território em dois estados,como a proposta de 1948 das Nações Unidas ,que Israel aceitou e os árabes não.
Difícil,pois com uma maioria árabe não haverá democracia e é impossível para o israelense viver sem democracia

Embaixador Reda Mansour tornou-se embaixador no Brasil em agosto de 2014.
Foi Embaixador anteriormente no Equador aos 35 anos de idade;Cônsul Geral do sudeste dos Estados Unidos em Atlanta; Vice Cônsul geral em S Francisco;Embaixador Adjunto em Portugal:Vice Cônsul Geral em S Francisco.
Obteve doutorado na Universidade de Haifa com trabalho sobre a história intelectual da Síria moderna,mestrado na escola Kennedy de Governo da Universidade de Harvard e lecionou na Faculdade de Defesa Nacional Israelense.
Domina cinco idiomas:árabe,hebraico,inglês ,espanhol e português.
É autor premiado,publicando quatro livros de poesias e vários contos.
Recebeu o Prêmio Anual de Contos Haaretz , Prêmio Miller da Universidade de Haifa,bem como prêmios
e citações por sua liderança e promoção da paz.
Foi escolhido como um dos 100 líderes mais influentes de Atlanta.
Um Embaixador de Israel para o Brasil que certamente fará um trabalho digno e importante para o bem
das duas nações que representa honradamente —Brasil -Israel!

Nova Usina de Reciclagem em Jerusalém – Notícias de Israel

Noticias de Israel - recycle

Por Shoshana C.

O prefeito de Jerusalém Nir Barkat e o Ministro de proteção ambiental Avi Gabay
inauguraram a usina de reciclagem Greennet,nesta 3 f ,16 de junho de 2015.
Investimento de 100 milhões de shekels em tecnologias residuais”state of art”*.
Situa-se na zona industrial de Atarot ,ao lado de proprietários de fábricas e CEO*
O objetivo é separar automaticamente os resíduos domésticos,sendo as instalações da mais alta tecnologia atual.
Esta usina em Jerusalém será líder na revolução verde em Israel.Haverá economia e a possibilidade
de transformação do lixo em recurso de energia.
Esta construção começou em setembro de 2013,para substituir o transbordamento do aterro Abu Dis,
à leste de Jerusalém,que havia sido encerrado no mesmo ano.
Receberá cerca de 250 caminhões de lixo por dia com uma capacidade de 1500 toneladas de resíduos
diários ,400 mil toneladas anualmente,coletando lixo de cerca de um milhão de residentes.
Pertence a duas empresas:Grupo Teco especializada em reciclagem e YSB empresa de infra estrutura.
O funcionamento reduzirá a taxa de aterro da cidade ,diminuindo a necessidade de transporte,ajudando
economicamente Jerusalém.
Houve grande aumento de resíduos reciclados em Jerusalém.
O desperdício orgânico será tratado por meios automáticos,tornando-se composto e retornando à natureza.
A fábrica emprega 100 pessoas das comunidades em volta–judeus e árabes.
Como outras indústrias do setor,os resíduos foram organizados em padrões globais, investindo em novas tecnologias.
Um grande avanço para o meio ambiente em Jerusalém!

*resíduos “state of art”— é a utilização dos resíduos industriais e urbanos,como matéria prima
para cerâmicas alternativas,tendo em vista ser a indústria de cerâmica uma fonte de economicamente viável e
ecologicamente correta para a reciclagemde resíduos,já que há esscassez de reservas de boa qualidade nesta indústria.

*CEO–abreviação de Chief Executive Officer—a maior autoridade dentro da hierarquia de uma empresa(gestor)

Para mais manchetes de Israel Clique Aqui
.

DIA da INDEPENDÊNCIA – em Israel

Dia da independencia em Israel

Por Shoshana C.

Notícias de Israel YOM HAATZMAUT

No dia 5 de Iyar é comemorado o aniversário da Proclamação do Estado de Israel,
em 14 de maio de 1948, e o fim do Mandato Britânico.
É o dia em que David de Ben Gurion , Primeiro Ministro de Israel declarou sua
independência.
Foi instituído feriado nacional pelo Knesset(Parlamento.)
A cerimônia principal é realizada no Monte Herzl em Jerusalém.
Comércio fechado mas cafés e restaurantes abertos; não é feriado religioso.
Os israelenses hasteiam bandeiras em suas casas e carros.
Há apresentação gratuita de artistas, dançarinos, cômicos, sobre palcos
colocados nas ruas.
Filmes antigos israelenses são transmitidos.
Há reza especial pelo Rabino Chefe ;às vezes há o toque de shofar(chifre de carneiro)
O povo vai às ruas, e ai passam o dia, em piqueniques, churrascos.
Alegria,muita alegria!

Recordação dos caídos nos campos de batalhas e nos atos terroristas – YOM HAZICARON

YOM HAZICARON

Por Shoshana C.

YOM HAZICARON – Notícias de Israel

Dia 4 de Iyar,uma semana após o Dia do Holocausto,véspera do dia da Independência,
foi decretado feriado pelo Governo de Israel .
Pela lei todos os locais de entretenimento do país ficam fechados.
Bandeiras são estendidas à meia haste, velas são acesas nas repartições públicas e
sinagogas.
Há homenagens em cemitérios militares e é no Muro das Lamentações que se inicia
a homenagem e em todos os templos religiosos.
Antes do meio dia se escuta em todo o país um toque de sirene de 2 minutos e
em silêncio,de pé, as pessoas prestam seus sentimentos, parando suas atividades;os carros param e as pessoas saem mantendo-se em pé.
Há a recordação dos que tombaram nas guerras que Israel lutou contra seus vizinhos
árabes: 1948–Guerra pela Independência
1956–Do Sinai
1967–Dos Seis Dias
1973—Yom Kipur
1982–Operação Paz na Galileia
1987–Intifada
1991–Guerra do Golfo
2000-2002–Intifada de Al Aksa
2014–Guerra na faixa de Gaza

A defesa de seus civis e de seu povo é com bravura e patriotismo realizada.
O Monte Herzl é o cemitério nacional de Israel, ao lado oeste de Jerusalém, em homenagem
a Theodor Herzl fundador moderno do Sionismo. Seu túmulo fica no topo da colina.
Fica a 834 metros acima do nível do mar.
Paradoxalmente, é um lugar tranquilo, de paz, com lindos jardins, predominando o verde

DIA INTERNACIONAL DA LEMBRANÇA DO HOLOCAUSTO – UMA CRÔNICA EM FORMA DE ENTREVISTA

Por -Maria Inês Cerantola
OS MEUS AMIGOS DO FACE DE TODO O MUNDO, UMA CRÔNICA EM FORMA DE ENTREVISTA QUE FIZ NO ANO PASSADO  E PUBLICO HOJE, QUANDO SE COMEMORA O DIA INTERNACIONAL DA LEMBRANÇA DO HOLOCAUSTO. MUITAS PESSOAS NÃO ACREDITAM QUE ESSA BARBÁRIE POSSA TER OCORRIDO MAS, INFELIZMENTE, ELA OCORREU. QUANDO OS HOMENS NÃO SE IMPORTAM MAIS COM SEUS SEMELHANTES; QUANDO SE TORNAM EGOÍSTAS; EGOCÊNTRICOS; DESEJOSOS DE PODER E IMBUIDOS EM DOMINAR O MUNDO, DEIXAM SUA HUMANIDADE E SE TRANSFORMAM EM BESTAS/FERAS, ÚNICA E EXCLUSIVAMENTE POR PRECONCEITO. E A NÓS, QUE AINDA TEMOS ALGUMA LUCIDEZ, CABE VIGIAR PARA QUE O PRECONCEITO E A INTOLERÂNCIA NÃO FAÇAM MAIS PARTE DE NOSSA HISTÓRIA. FIZ ESTA CRÔNICA PARA HOMENAGEAR MEUS AMIGOS JUDEUS; NÃO SOU JUDIA NEM POR NASCIMENTO NEM POR CONVERSÃO MAS TENHO POR ESSE POVO UMA ADMIRAÇÃO ENORME. MAS, O PRECONCEITO E A INTOLERÂNCIA NÃO SÃO APENAS CONTRA OS JUDEUS E SIM CONTRA TUDO O QUE NÃO É IGUAL A NÓS, SEJA A COR DA PELE; A RELIGIÃO; CLASSE SOCIAL; ENFIM, AS DIFERENTES OPÇÕES DE CADA UM DE NÓS NESTE MUNDO. DEVEMOS LEMBRAR SIM DO HOLOCAUSTO PARA NÃO REPETIRMOS ESSE LAMENTÁVEL EPISÓDIO. HÁ MUITOS INDICADORES À VISTA QUE PRECISAMOS ANALISAR PARA TERMINAR COM A INTOLERÂNCIA E O PRECONCEITO E, ENFIM, PROMOVER A PAZ NA TERRA. SHALOM ISRAEL E SHALOM A TODOS OS POVOS! PEÇO QUE, POR FAVOR, COMPARTILHEM COM O MAIOR NÚMERO POSSÍVEL DE SEUS CONTATOS E DEIXO-LHES UM GRANDE ABRAÇO.
Maria Inês Cerantola
5775
A ENTREVISTA
Localizado no Oriente Médio, na costa oriental do Mar Mediterrâneo, o homem mais velho do mundo. Desprovido de quaisquer  tipo de vaidade, preconceito ou ganância, típicos daqueles que se tornam celebridade, concedeu-nos graciosamente a entrevista que transcrevemos abaixo.
M: Como o senhor chegou a essa idade, tão lúcido e jovial?
H: Caminhando muito; conhecendo lugares e pessoas diferentes; ensinando os segredos da vida por todos os continentes.
M: Nesses segredos, estariam alguns referentes à alimentação saudável, tão em moda em nossos dias?
H: Certamente! Tudo o que ensino com respeito à alimentação, vem passando de pai para filho o que tem possibilitado nossa gente, de atingir uma longevidade bastante boa.
M: E onde encontrar essas receitas, a fim de que outras pessoas também as possuam?
H: Elas existem há milênios e vem passando de pai para filho mas, estão também publicadas em quase todos os idiomas, encontradas em qualquer livraria.
M: E sua família? Poderia falar um pouco dela?
H: Minha família é bastante numerosa, dela saíram pessoas que têm contribuído para o progresso das ciências, tanto na área das exatas, quanto das humanas, em todo o mundo. Temos médicos de todas as especialidades; grandes engenheiros, inclusive um de meus familiares foi responsável pela construção de um grande navio; músicos; físicos; matemáticos; atores e cineastas; empresários dos mais diversos ramos; filósofos. Nossos filósofos são responsáveis pela divulgação de nossos costumes pois sua ética e busca constante pela verdade, fortalecem nosso saber.
M: Com uma família numerosa e tão especial, certamente você desfruta de uma admiração muito grande.
H: Você se engana demais, nesse ponto. Apesar da grande contribuição que minha família tem dado à humanidade, isso nos trouxe consequências graves, promovidos pela cobiça que infelizmente sempre se atrela ao sucesso alheio.  Sofremos preconceito e repulsa,  por parte de muitos.
M: Mas, como?
H: Desde que minha família se formou e começou a conquistar espaço no mundo, temos sido expulsos da própria terra; fomos escravizados; torturados e mortos de diversas maneiras: forca; fogueira; chegando ao máximo de tentativa de extermínio total há algumas décadas, em câmaras de gás. Não perdoaram nem nossas crianças e muita gente, ainda hoje, duvida do que passamos. Depois disso, não tínhamos sequer um lar para voltar, estávamos destruídos materialmente e muito fragilizados emocionalmente. Vizinhos nos fecharam as portas; amigos não nos deixaram entrar embora tivessem nos dado garantia de residência e ainda que donos legítimos há anos, proibidos de entrar na nossa própria casa.
M: E afinal, como foi que você e sua família voltaram para cá e superaram tudo isso?
H: Foi mais uma grande luta; muitas negociações. Mas a família organizada buscou incessantemente apoio de outros líderes e finalmente, em 1948, retornamos ao verdadeiro lar.
M: Esse é o final feliz da sua história?
H: Longe disso. No dia imediato ao retorno, nossos vizinhos invadiram nossa casa e nela permanecerem muitos meses, na tentativa de nos tirar daqui. Mais mortes; mais disputas; perseguições e aumento do preconceito contra nós. Ainda hoje, muitos conflitos continuam surgindo; muitas mentiras são ditas sobre nós e, por termos transformado uma parte de pântano e outra de deserto em um paraíso; desenvolvido tecnologia de ponta para diferentes setores da economia; produtos e serviços de excelência que tem beneficiado todos os povos,  temos que conviver  novamente com todos os sentimentos que por várias vezes nos custaram a vida. Portanto, dispam-se do preconceito contra nossa família, revejam os fatos verídicos sobre o que já passamos; para que esses horrores não voltem a nos atingir. Só assim a paz será possível.
M: Conhecendo os fatos reais, divulgarei sua entrevista e espero ajudar a mostrar a realidade. Preconceito não acaba com a criação de leis, apenas minimizam; é dentro de nós que devem ocorrer as grandes mudanças e não podemos transmitir aos nossos filhos um legado desprovido de amor ao próximo, como a nós mesmos.
M: Finalmente, revelarei seu nome e idade:
ISRAEL – ano 5775 do calendário hebraico.